Confira Nossas Novidades

assine nossa newsletter para receber informações no seu e-mail

Hospitalhaços organiza 1ª Festa de Páscoa nas Brinquedotecas

Por Larissa Pan

Não existe nada melhor do que comemorar a Páscoa com gostosuras e brincadeiras, e a Hospitalhaços realizou tudo isso na Primeira Festa de Páscoa das Brinquedotecas, que ocorreu na última semana de março de 2018. As crianças se divertiram com brincadeiras como confecção de máscaras de coelho, caça aos ovos, pintura no rosto, leitura de histórias, danças, visita dos palhaços, desfile com orelhas de coelho, cinema de páscoa e gincanas, além de se deliciarem com bolos e pipocas, tudo autorizado pelos nutricionistas de cada hospital. A intenção é colocar este evento no calendário das ações realizadas em todas as Brinquedotecas da Hospitalhaços. Outras datas como Festa Junina e Dia das Crianças também terão atenção especial.

A comemoração pascal estimula a integração das crianças, resgatando o lúdico e o espírito festivo, além disso, é um período para lembrar os pequenos que, embora doentes, eles podem se divertir e viver seus momentos infantis, mesmo que estejam no hospital. “Nosso maior objetivo está justamente no contrário da rotina hospitalar, onde o foco é viabilizar a mudança do espírito anterior, amenizando o sofrimento e conduzindo a criança para experiências agradáveis”, comenta Lucila Bertolini, coordenadora das Brinquedotecas da ONG. Ainda de acordo com ela, a festa aconteceu durante toda a última semana de março, e os familiares e acompanhantes também foram convidados. “Através do acolhimento, do lúdico, da socialização com outras crianças, seus familiares e acompanhantes, tiveram a oportunidade de participar da celebração de forma diferenciada, fortalecendo a autoestima, resgatando a alegria e a vontade de viver”.

A importância dessas brincadeiras se dá pelo fato das crianças ainda estarem em ambiente hospitalar, entretanto, em um cenário de diversão e muita alegria. É preciso destacar, também, que as brinquedotecas são espaços destinados ao brincar e às manifestações culturais e, quando os hospitais aceitam profissionais para desenvolver essas ações, o ambiente toma um outro clima, mais descontraído e harmônico valorizando a criança, é o que ressalta a coordenadora. “Acredito que o mais belo e importante em nossa semana festiva e, principalmente no dia da nossa festa, é a valorização da criança que está por trás da doença. A troca de afeto, de sorrisos e muito amor são como remedinhos em nossos corações”.

Confira as datas, horários e hospitais onde as festas aconteceram:

Hospital Mário Covas: Dia 24/03 das 8h às 12h

Hospital Estadual Sumaré: Dia 24/03 das 13h às 17h

Hospital das Clínicas: Dia 28/03 das 13h às 17h

Hospital da PUC: Dia 29/03 das 13h às 17h

Confira as fotos!

Deixe um Comentário