Confira Nossas Novidades

assine nossa newsletter para receber informações no seu e-mail

Oportunidade para quem deseja ajudar brincando – Triagem Solidária para Brinquedista

Por Larissa Pan

O lúdico faz parte do cotidiano da maioria das crianças, seja em forma de carrinhos, bonecas, tintas, pinceis, jogos e tudo o que é colorido e divertido. Mas você já parou para pensar que nem todas elas tem a possibilidade de brincar? Isso acontece com as crianças enfermas nos hospitais, sobretudo as que precisam ficar internadas e conviver no ambiente hospitalar. As brinquedotecas da Hospitalhaços tem o papel de transformar esse cenário em alegria e sonhos, propondo um papel de fantasia, tirando a criança da seriedade da rotina hospitalar. Mas para tudo isso acontecer, os brinquedos são o foco principal, pois eles são as ferramentas de interação entre a criança e a imaginação e assim tornar aquele momento único, onde elas possam ser apenas crianças. “As brinquedotecas tem uma influência muito grande e positiva no tratamento das crianças, elas ficam muito mais felizes pois tem acesso a jogos e brinquedos que talvez nunca poderiam ter, isso é o mais especial”, comenta Adriana Thomaz, coordenadora do departamento de RH da Hospitalhaços.

Mas para que essas ferramentas da alegria chegarem até as crianças, elas precisam passar por um caminho muito especial, o da Triagem Solidária Brinquedista. Nessa etapa, os voluntários são muito importantes, pois são eles que selecionam os melhores brinquedos e jogos que são distribuídos entre as brinquedotecas e viram sensação de prazer nas mãos dos pequeninos. “A Triagem de Brinquedos é um trabalho importantíssimo dentro da ONG Hospitalhaços, pois este é o momento em que o voluntário, com muito amor, fará minuciosamente a seleção dos brinquedos que serão encaminhados a todas as unidades das nossas Brinquedotecas e que trarão mais cor e alegria para as crianças hospitalizadas”, situa a coordenadora das Brinquedotecas, Lucila Bertolini. Os voluntários, além de trazerem benefícios para os pacientes, exercem um trabalho que os tornam mais felizes, como a fundadora e gerente das Brinquedotecas da ONG, Walkiria Camelo, comenta. “A filosofia da ONG é a atividade voluntária e buscamos desenvolver essas atividades porque sabemos o benefício que ela traz para cada pessoa. Desenvolve a maturidade emocional, a vivência com outra realidade e o olhar mais amplo. É diferente o amor de um voluntário, ele vai estar ali porque ele quis, ele escolheu auxiliar de alguma forma”. E, para ela que se dedica integralmente nas brinquedotecas, selecionar os brinquedos é tão importante quanto, pois esses vão estar em contato diretamente com as crianças transformando cada brincadeira em largos sorrisos. “O paciente ganha, cresce e aprende junto ao voluntário, dentro de uma relação de amor e doação, fazendo um laço de amizade quando recebe esse presente que é o brincar”, revela.

Confira a reportagem sobre a Brinquedoteca em Recife clicando aqui.

É imprescindível o zelo para essa tarefa, pois com o carinho e a dedicação de separar os melhores brinquedos, os resultados com as crianças aparecem e se tornam ainda melhor, concretizando tudo o que a ONG Hospitalhaços representa. “A importância está em colocar todo amor para selecionarmos os brinquedos, pois estes chegarão nas Brinquedotecas onde o público alvo são as crianças. As vagas estão sendo abertas para as pessoas que são amantes da organização, que tenham tempo disponível para o trabalho e que queiram doar seu tempo em prol de uma causa de amor e solidariedade com o objetivo de manter as Brinquedotecas com o melhor e mais lindo acervo de brinquedos”, reflete Lucila.

 Quero fazer parte, quero triar!  Se você for atento, detalhista e gosta de organizar, a Triagem Solidária irá preencher sua vida. “Geralmente as pessoas mais tranquilas, mais calmas, que vão trabalhar em grupo, se identificam com esse processo. Pode ser para qualquer idade”, indica Adriana Thomaz, coordenadora do departamento de RH da Hospitalhaços. Para ser voluntário da Triagem Solidária, você deve comparecer na Palestra Institucional e preencher a ficha de inscrição, como explica, ainda, Adriana. “O voluntário tem que passar pela palestra institucional e preencher a ficha de inscrição. Vamos ligar e combinar o horário que ele pode fazer o treinamento e, imediatamente, a gente já começa”.

O ambiente de trabalho é confortável e muito fácil para chegar. A Sede fica localizada na Avenida Governador Pedro de Toledo, 950, no bairro Bonfim, em Campinas. Aos que vem de carro, as vagas são dispostas na rua em frente ao Bazar, local do treinamento e trabalho, já aos que vão vir de ônibus, os números das linhas que passam próximo são: 210, 134, 221, 230 e 271 linhas azuis e vermelhas.

Brincadeira séria também é arrumar, limpar e selecionar os brinquedos para as crianças, então não perca a próxima Palestra Institucional. Confira as datas aqui.

Deixe um Comentário