2º Congresso de Palhaços Humanitários

de 07 a 09 de SETEMBRO de 2017 | Centro de Eventos Inácio Loyola – Instituto Padre HaroldoInstituto Padre Haroldo. R. Dr João Quirino do Nascimento, 1601 - Jd. Boa Esperança - Campinas/SP

 

 

Se você participou do 1º Congresso de Palhaços Humanitários em 2015 USE SEU LOGIN E SENHA PARA ATIVAR AS CONDIÇÕES ESPECIAIS

 

Leia o Release

Estão abertas as inscrições para o 2º Congresso de Palhaços Humanitários

Evento será realizado de 7 a 9 de setembro, no Instituto Padre Haroldo, e é voltado para voluntários que atuam como palhaço humanizador e simpatizantes

VEJA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA

SOBRE OS FORMADORES

OLIVIER-HUGO TERREAULT

Palhaço há 28 anos, trabalhou com Francine Côtè , no Canadá, e Bataclown, na França. No Canadá, foi fundador e formador da renomada organização de palhaços hospitalares Jovia. Tem formado palhaços e dado palestras pelo mundo. Realiza pesquisa técnica de palhaço no contexto da saúde.

ANA WUO

É docente do curso de Teatro da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), coordena o projeto de extensão Pediatras do Riso-Iarte/HC-UFU, é atriz, palhaça, diretora, pesquisadora, bacharel em artes cênicas, mestre em estudos do lazer. Também possui doutorado em Pedagogia do Movimento/Corporeidade pela Faculdade de Educação Física e em Artes da Cena (IA-UNICAMP), e pós-doutorado no Instituto de Estudos da Linguagem UNICAMP.

LUIS GODOY

Ator, palhaço, bacharel em Ciências do Esporte; mestrando no programa Interdisciplinar em Ciências Humanas e Sociais Aplicadas, da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA/Unicamp); estudou na Universidad Politecnica de Madrid e na Universidad de Santiago de Chile. Possui pesquisas premiadas sobre o clown, comicidade e o jogo. Iniciou sua carreira de ator em 2000 e, desde então, atuou em diversos grupos, entre eles Payasos Sin Fronteras da Espanha. É co-idealizador do Grupo Interdisciplinar de Estudo e Pesquisas Aplicadas ao Jogo – GIEPAJ; artista formador e tutor do treinamento de palhaços da ONG Hospitalhaços; diretor e idealizador da Inhouse – Clowns and Circus e da ONG Medicina do Riso.

MARIO EDUARDO PAES

Coordenador Geral da Associação Hospitalhaços há oito anos, graduado em Administração de Empresas, com pós-graduação em Gestão Pública e especialização em Políticas Públicas. Cursou Gestão Contábil e Financeira do Terceiro Setor pelo SENAC Campinas. É membro da ABCR (Associação Brasileira de Captação de Recursos), organização onde participa de diversos grupos e cursos sobre o tema. Atualmente realiza palestras em faculdades e empresas com temas ligados ao voluntariado e terceiro setor.

INFORMAÇÕES SOBRE OFICINAS

OFICINA DE PALHAÇOS PARA LEIGOS, SONHADORES, TÍMIDOS E SIMPATIZANTES

Olivier-Hugues Terreault

Objetivo: Explorar o seu poder de criar, de se maravilhar, de brincar, e de rir de si mesmo.

Público-alvo: iniciantes, sem ou com pouco tempo de atuação.


OFICINA DE INICIAÇÃO DE PALHAÇO/CLOWN: A ESCUTA DO OLHAR NO CONTEXTO HOSPITALAR

Ana Wuo

Objetivo: Desenvolver um trabalho prático com o participante, levando a iniciação do clown, proporcionando-lhe conhecimentos básicos necessários para atuar no ambiente hospitalar, com enfoque numa metodologia que utiliza a ferramenta expressiva da técnica corporal cômica.

Público-alvo:  não atores com interesse de atuar no contexto hospitalar, nível intermediário.


 OFICINA O CLOWN E O ESTADO DE JOGO

Luis Godoy

Objetivo: Trabalhar o palhaço em seu todo, desde a busca por um processo ontológico até o aceitar desprender-se das máscaras sociais, deixando em evidência o prazer em jogar com a própria potência do ser. Buscar extrair de cada participante pontos específicos e subjetivos não sendo trabalhado a criação de um personagem, mas sim, evidenciando aquilo que se é em suas características humanas.

Público-alvo: não atores com interesse de atuar no contexto hospitalar, nível avançado.

 


OFICINA INSTITUCIONAL

Mario Eduardo Paes

 

Objetivo: Compartilhar e trocar informações sobre as atividades das organizações sociais com foco na humanização hospitalar, auxiliando na orientação quanto aos seguintes temas: constituição jurídica, leis e projetos, comunicação, captação de recursos, sustentabilidade e voluntariado – gestão, estatuto e formação.

Público-alvo: pessoas interessadas em abordagens sobre estrutura e processos organizacionais.

VALORES

Para participar do 2º Congresso de Palhaços Humanitários observe os valores e as formas de pagamento. Todos os pacotes incluem atividades e alimentação (café da manhã, almoço, lanche da tarde e jantar).
 
– R$ 550,00 –sem hospedagem
– R$ 700,00 – com 2 dias de hospedagem (07 a 09/09)
– R$ 750,00 – com 3 dias de hospedagem (07 a 10/09)

FORMAS DE PAGAMENTO

As formas de pagamento são boleto e cartão de crédito:

– Boleto a vista com 5% de desconto.
– Cartão de crédito com várias opções de parcelamento pelo PagSeguro

1

PREENCHA  O CADASTRO

2

ESCOLHA O PACOTE

3

PAGUE COM PAGSEGURO

[contact-form-7 404 "Not Found"]